Olhos negros olhos verdes feiticeiros traiçoeiro
mas como vocês são castanhos são bonitos e sinceros.

A escrita que você é a minha caneta, o que lhe dá
é a minha alma , que você ama que você quer e você sabe
ele é chamado.

Polícia, polícia, polícia não toma o ladrão, tomar para Karla
quem roubou meu coração.

No meu quintal eu tenho uma planta de arroz,
para lembrar o dia que nos conhecemos a 2.

Graças a Jorge para estas palavras de amor